Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...
postado por Hellz. em 25 maio 2016

24 de maio


Eu juro que procurei no google, mas não encontrei página da internet nenhuma que reafirmasse a minha teoria: A de que o aniversário de um ano completo após algo muito foda que você viveu e que foi outrora perdido é o mais difícil.

Desde o dia 23, comecei uma retrospectiva desenfreada sobre o que eu estava fazendo há exato um ano atrás. Um flashback maldito de todas as minhas emoções: a ansiedade ridícula que me fez ficar sem fome por dias, as borboletas no estômago, o medo de decepcionar e, ao mesmo tempo, o coração leve e transbordando de energia positiva crendo que enfim tive a sorte de um tal amor tranquilo e doce, como costumam parafrasear por aí. E, não o bastante, as lembranças mais malditas ainda do dia 24 começaram a surgir também: O jeito que ela me olhou pela primeira vez (o olhar mais bonito que alguém já dedicou a mim, diga-se de passagem), a música que foi posta pra tocar no celular no momento do primeiro beijo, a maciez do cabelo incomparável e a segurança que dizia sentir ao estar ao meu lado, coisa que há tempos não experimentava. Eu me senti segura ao seu lado também - e talvez essa tenha sido a grande pegadinha da história.

Mas um ano se passou e, muito antes desse aniversário que marcou a data do início, o fim já tinha chegado há tempos, eu já tinha chorado as Cataratas do Iguaçu, me afogado nas tais lágrimas e em potes de sorvete pra acompanhar e enfim, após um árduo caminho cheio de crateras no peito, conseguido acalmar meu coração, esfriado a tal dor da cicatriz.

E então chega o dia em que o lance completa um ano e parece que tudo aconteceu ontem. Que você sofreu uma perda não mais do que 24h antes da retrospectiva dumal que te acompanha, muito embora há muito tempo saiba que as borboletas do estômago já estão mortas e enterradas. Há muito tempo você foi obrigado a dar adeus à contragosto ao amor mais bonito que você viveu.

E, sim, te afirmo que é amor.


40 comentários:

  1. Muito bom seu texto.
    Vou fazer a retrospectiva também do que fazia a 1 ano atrás.
    Beijos
    Jana Makes Esmaltes e Cia
    Instagram
    Fan Page

    ResponderExcluir
  2. texto lindo e repleto de sentimentos, fazer o que fez é como viver o dia novamente, pode ser bom, pode ser doloroso, mas pode tb aprender com isso e seguir em frente... se for amor vai dar certo!

    Ciranda da Bailarina

    Beijos

    ResponderExcluir
  3. Muito bom o texto, as vezes relembrar certas coisas é bom e ruim ao mesmo tempo.
    Beijos
    www.conversandocomalua.com

    ResponderExcluir
  4. Super me identifiquei,porque nas últimas semanas eu tenho estado numa bad gigante me lembrando de coisas que aconteceram nos anos anteriores e isso não faz nada bem para mim,considerando tudo que já aconteceu. Todos os sentimentos ruins voltam e aquela sensação horrível do quanto eu fui trouxa hahaha...Mas né,é a vida!
    X J X C X

    ResponderExcluir
  5. Simmmm! Cara isso é muito bosta, além do sentimento ruim meio que vamos desconhecendo a pessoa que um dia fez parte de toda nossa vida. Embora eu seja bem tranquila com isso não pretendo me relacionar novamente tão cedo.

    ResponderExcluir
  6. Oii Hellz.

    Sei exatamente como é esse sentimento. Mesmo já fazendo dois anos, ainda lembro como se tivesse acontecido semana passada.
    Mas o importante é tentar sempre levar o melhor das lembranças e deixar somente as lições das situações ruins...

    Beeijos

    ResponderExcluir
  7. Acho que todo mundo tem um sentimento e uma data né.... as vezes sinto até o cheiro... Como sempre amei seu texto, me identifico muitoooo
    E olha amiga, vou adotar esse termo para a vida, "chorei as cataratas"



    O blog estava parado, mas já retornei!

    Bjuuuu
    http://www.blogjumedeiros.com/
    https://www.youtube.com/julianamedeirosblog

    ResponderExcluir
  8. Muito bom o texto
    tbm vou fazer essa retrospectiva
    Beijos!!



    Jéssica R. Coelho Blog

    ResponderExcluir
  9. Aquele produto é completo! \o/

    Por isso que eu não guardo datas! Sério, é a melhor coisa. Nunca reparo o dia em que começo um relacionamento ou então que vivo algo bom.... Ou algo ruim. Assim essas coisas tristes passam desapercebidas!

    Ótima quinta!

    Beijo! ^^

    ResponderExcluir
  10. Hellz é sempre bom fazer uma análise, eu lembro de coisas que de passou há anos, a lembrança é de como fosse hoje, Hellz bjs.

    ResponderExcluir
  11. Muito bom!
    Tb tenho essas retrospectivas e tb dou uma deprimida básica rs
    Bjs
    http://momentosdemodaebeleza.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  12. De vez em quando também entro nessa vibe...

    Beijos
    Ruiva Cohen Store Blog

    ResponderExcluir
  13. Texto lindo. Algumas memórias doem e outras nos dão alegria, é muito complicado reviver essas coisas!
    Beijos
    BlogCarolNM
    FanPage

    ResponderExcluir
  14. menina que senhor desabafo. Confesso que nunca parei para pensar no que estava fazendo há 1 ano atrás no mesmo dia (nunca lembro nem o que se passou ha algumas horas)
    O bom de olharmos para trás é para vermos onde erramos e vermos o quanto ja caminhamos para frente =)
    Acredito que superará tudo. Não fique pensando na data ruim, pense na coisa boa que poderá acontecer para suprir um fato triste
    Valeu a pena esperar

    ResponderExcluir
  15. E sim, te afirmo que não vale a pena. Hahaha! Sério. Não se deve revirar o passado. Eu as vezes caio nesse truque da vida, acabo fuxicando quem não devo fuxicar, aí vejo que a pessoa tá lá bem feliz namorando e eu to aqui ainda remoendo o passado </3 isso é ruim, eu não gosto. Já matei o amor que sentia pela pessoa, porém mesmo quando passo por ela até hoje, ainda sinto que as borboletas meio que pensam em voar, mas aí passa rapidinho.

    Beijos!
    www.likeparadise.com.br

    ResponderExcluir
  16. Tenho essas retrospectivas aleatórias onde eu estiver, não me faz falta, mas eu lembro..
    Beijos!

    http://dearitgirl.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  17. lindissimo texto, tenho mts memorias de coisas que gostaria de esquecer tbm, mas acho que td isso nos torna mais fortes

    www.tofucolorido.com.br
    www.facebook.com/blogtofucolorido

    ResponderExcluir
  18. Que texto mais lindo, triste e lindo ao mesmo tempo, eu li em um livro que as vezes é preciso um pouco de tristeza para nos fortalecer, assim conseguimos enxergar o quanto somos fortes e o quanto superamos aquilo que foi perdido.. Nada nunca é em vão, por mais que pareça ser.. Beijokas! http://blogdanatz.com

    ResponderExcluir
  19. Happy Weekend lovely Hellz.

    kisses

    ResponderExcluir
  20. Que texto emocionante, eu concordo com tudo que tu escreveu aqui!
    Mil Beijos!
    http://pensamentosdeumageminiana.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  21. Que texto! De vez em quando paro pra fazer umas retrospectivas e penso em cada coisa na minha vida... Sei não. Mês que vem chega minha época do ano de começar as retrospectivas, espero ficar apenas com as coisas boas pra mim.

    Um beijo!
    Heeey, Maria! | Fanpage

    ResponderExcluir
  22. As vezes faço umas retrospectivas na minha mente, que me deixam um pouco deprimida hahahaha.
    http://simpleseagradavel.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  23. Mais uma vez, tenho que dizer que seu texto está muito bom! Ao lê-lo consegui sentir várias emoções junto contigo, inclusive ansiedade... Mas, que seja amor mesmo que mude. :)

    Bom find! Grande beijo, Fran.
    www.delirioscotidianos.com

    ResponderExcluir
  24. Caramba, que texto lindo! Sério, lindo demais.
    Também tenho dessas de marcar aniversários de certos momentos significativos. Mesmo que sejam sobre coisas que já passaram e não vão voltar.
    Espero, de verdade, que seu coração esteja melhor, e que um dia você olhe pra isso com menos tristeza e mais alegria, de um didia ter vivido o amor verdadeiro. Porque ten gente que sonha com isso e nunca tem a oportunidade de vivenciar.
    Beijos!

    claramenteinsana.com

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Saiu com erros cagados de digitação? Saiu. Mas cê entendeu né HAHAH.

      Excluir
    2. Saiu com erros cagados de digitação? Saiu. Mas cê entendeu né HAHAH.

      Excluir
  25. Muito bom o seu texto. Eu não sou do tipo que fica prestando atenção no passado e no que eu fazia no ano anterior. Eu gosto de olhar para o futuro. Mesmo quando o assunto é amor, não presto atenção no calendário. Bjus!

    galerafashion.com

    ResponderExcluir
  26. Nossa, Hellz ! Que texto profundo, vi no seu insta (achei que você estava sumida) e vim ver do que você estava falando. Sério que já faz um ano desde que partiram seu coração? Amor é isso mesmo, mas sempre há alguém que vai te olhar de uma forma mais bonita, não duvide.
    Www.vestindoideias.com

    ResponderExcluir
  27. Que texto bonito!!!! É interessante guardar datas e depois refletir sobre elas, sobre como aquele acontecimento impactou sua vida e sobre em quem você se tornou após ele. Revirar o passado pode ser bom nesse sentido.
    Sobre tua pergunta: sou de Limoeiro, mas estou prestes a me mudar para Caruaru. E você, de qual cidade de PE é?
    bjss
    blogtrashrock.com

    ResponderExcluir
  28. Meu coração ficou apertado lendo esse texto. Tão bonito e tão triste ao mesmo tempo. </3

    ResponderExcluir
  29. Wow, que texto! Eu também sou dessas, fico me lembrando de relações passadas (não amorosas, mas de amizades... eu, toda ao contrário, já sofri mais por causa de amizades nessa vida do que por amor kkkkkkkkkkkk), e fico imaginando como seria, hoje, se as coisas tivessem sido diferentes. Chego até a dar aquela stalkeada básica pra ver como a pessoa tá, mas quando começa a doer, eu paro. Acredito que é inevitável nos pegarmos em pensamentos como esses, mas são coisas que acabam nos entristecendo. Devemos mesmo é lembrar de quantas pessoas boas apareceram pra nós depois delas, e quantas ainda irão :)

    Com amor,
    Steph • Não é Berlim

    ResponderExcluir
  30. Muito bem escrito, sério. Meio que gostei da linguagem porque é bem informal, bem direta, bem "estou cutucando sua ferida, está vendo? é assim que me sinto".
    Adorei.
    Senti o coração partindo por um relacionamento que nem foi meu, mas que poderia ter sido.
    Adorei mesmo.

    Beijos,
    Bi.

    - www.naogostodeunicornios.com

    ResponderExcluir
  31. Coraçãozinho apertado, depois de ler essa publicação.
    Mas, eu me identifiquei .. sou dessas que vive se lembrando das coisas que vivi..

    ResponderExcluir
  32. Que profundo essa nostalgia, é difícil esquecer bons tempos que passaram, principalmente quando se trata de amor, beijos

    http://www.ritinhaangel.com.br/

    ResponderExcluir
  33. Sempre é amor, mesmo antes de ser, mesmo que as pessoas não percebam.
    com amor, Bru
    Mania de Bruna
    @ManiaDeBruna

    ResponderExcluir
  34. Que texto emocionante!
    http://annahandtheblog.blogspot.pt/

    ResponderExcluir
  35. Uau isso foi intenso! Não sei se já amei com tanta paixão e profundidade assim... rsrs... tenho um coração desconfiado e meio frio, talvez seja exatamente pelo medo de sentir isso um dia e depois tudo se tornar apenas uma lembrança.
    bjoss
    www.gizahcastro.com

    ResponderExcluir
  36. Sei exatamente como é este sentimento. Todos os anos, dia 26 de Maio é o dia mais dficil de todos. Eu sempre acho que vai ser melhor, que to superando, que vou seguir em frente. Mas aí chega 26 de maio e é aquela angustia que me abate do nada :(

    Um beijo,
    Quase Mineira | FB do blog

    ResponderExcluir
  37. Nossa.. eu também acho isso, viu.. parece que quando faz um ano daquela tal coisa, os sentimentos voltam com tudo te lembrando do que poderia ter sido ou do que foi ou do que não foi.. horrível..
    bjin

    http://monevenzel.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir

Aqui é a área do BEING YOU e você tá com a palavra, hein? BORA!