Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...
postado por Hellz. em 07 novembro 2016

Você está sempre rodeado de amor – e não necessariamente ele é romântico


Observo que as pessoas tem um conceito errado sobre o que é o tal do amor (confesso, até eu já o tive e não é fácil mudar uma concepção enraizada há tanto tempo). Sei lá de onde veio isso, se dos Contos de Fada da Disney ou do romantismo vendido pela mídia, só sei que surge a ideia ridícula de que amor que é amor mesmo é só aquele rodeado de coraçõezinhos berrantes, mensagens fofinhas, vários “eu te amo” (vazios ou não), beijinhos na boca e passear de mãos dadas no bosque. Bom... isso pode ser amor sim. Mas não necessariamente é o único tipo de amor que você vai e precisa experimentar na vida, muito menos o primeiro tipo.

Desde que a gente nasce, é inegável o elo intrínseco que já vem de fábrica – em sua maioria - com as nossas mães. Mãozinhas gorduchas que procuram um dedo enorme a se agarrar, um sorriso ao ver o rosto conhecido, a única voz que acalenta. Isso é amor. Essa é a primeira versão que a gente experimenta do negócio, e ela chega quando ainda nem sabemos o que tamo fazendo por aqui, quem somos ou coisa alguma. É natural, apenas. Um start pra o que vai ser desenvolvido à seguir.

Quando um amiguinho da escola te empresta a caixa de lápis de cor de 36 cores metalizadas da faber castell – o maior bem que ele possui e que muito toma cuidado pra não perder – e o empresta exclusivamente à você porque vocês são amigos e ele quer compartilhar aquela alegria com alguém que gosta, isso é amor.

Sei que seu pai te pedindo pra chegar cedo em casa porque o mundo lá fora anda perigoso é chato pra caramba, mas isso também é amor. O mesmo vale pra quando sua mãe te pede pra tomar cuidado e não falar com estranhos. É tudo amor, mesmo que seu irmão stalkeie o perfil dx seu/sua namoradx por não querer te ver metido com alguém que vai quebrar seu coração. 

Confiar suas lágrimas, os pés que você levou na bunda e qualquer novidade boa ou ruim do curso da sua vida à um amigo em especial a ponto de considera-lo quase que como um irmão, isso é amor. E ter esse mesmo amigo disposto a ouvir e te aconselhar sob qualquer circunstância, é sinal de que o amor e ainda dos recíprocos! (E você aí reclamando que nunca houve reciprocidade amorosa na sua vida. Quebrei a ideia, né? :B HAHAHA). A alegria confessa e escancarada que o seu bichinho de estimação faz quando te ver chegar em casa, você pensa que aquilo é o que? E a tua vontade de mostrar foto dele pra todo mundo no trabalho.... seria reciprocidade de novo, Brasél? ;x

Outro dia, em certa situação, ouvi dizer que o amor era um copo cheio dágua que, de tão absurdamente cheio, passa a transbordar. Em palavras simples: Você é o copo e precisa estar cheio de amor pra poder começar a distribui-lo. Então adivinha só quem é o primeiro da fila, aquele você precisa direcionar esse conteúdo em primeira-mão? (Vou dar uma dica: Não é o seu namorado! A resposta tá mais perto de "você" do que pensa HAHHAH).

Possessividade, obsessão, controle e ciúme doentio não são amor, é outra coisa totalmente contrária. Essas coisas daí tiram tua sanidade, né? Mas você já viu uma coisa tão pura e maravilhosa como o amor enlouquecer alguém? Então nem precisa dizer que talvez o caminho que você tá pegando seja meio bugado.

MAS BOM... Romanticamente você pode estar frustrado sim. Com aquele "amor" dos beijos na boca, do caminhar no bosque e blábláblá. O segredo é que nem sempre o que a gente pensa que é amor, realmente o é nesses casos. As vezes é só um padrão bizarro e nonsense que a gente deu pras coisas. Os amores românticos podem sim não dar mais certo depois de um tempo, mas acredite: Se for amor mesmo, não é porque aquele ciclo terminou que ele vai te deixar surtado e querendo se vingar na próxima oportunidade. Pense nisso.


Tem amor demais na sua vida pra se revoltar com ele só porque deu errado em apenas uma vertente.





63 comentários:

  1. Oi, Hellz! Que texto extremamente maravilhoso, sabe? O que me estressa nas pessoas é que elas tem uma necessidade enorme de se sentirem aceitas e amadas pelas pessoas, sendo que elas podem encontrar isso dentro de casa, com a família ou até mesmo com os amigos. O problema central nisso é que me irrita muito, me enjoa ver esses "eu te amos" publicados no Facebook como se a vida da pessoa dependesse da outra, o que é uma nojeira (desculpas românticas de plantão!). Eu acho que a partir do momento que percebemos que não precisamos de ninguém além de nós mesmos e daqueles que se importa com a gente para nos sentirmos amados, as pessoas darão menos importância a essa questão de relacionamentos.
    Beijo!
    Leitora Encantada

    ResponderExcluir
  2. Mesmo com um renite do cão e os olhos e a cabeça doendo eu li o texto todo - te venci renite maldita hahaha - Que maravilhoso e significativo esse texto, eu adorei ler ele e leria novamente. O gif no final me fez chorar woont,fico meio sensível quando to dodoi. kkkk

    Blog >> seteprimaveras.com

    ResponderExcluir
  3. Concordo com tudo. Hoje em dia as pessoas acham que podem não amar ou sei lá o que por causa de ilusões e tal.. mas cada amor é único. E com certeza o amor ultrapassa aquele de namorados/maridos.. o amor pela família, pelos amigos, pelos filhos.. existem muitos amores :)

    www.vivendosentimentos.com.br

    ResponderExcluir
  4. Oi Hellz,
    Que texto lindo e verdadeiro.
    Eu tô bem feliz com meus amores não românticos, acho que nos fazem perceber melhor as coisas, como gostar e cuidar mais da gente.
    Os românticos, ando preferindo só os dos livros no momento hahaha

    tenha uma ótima semana.
    Nana - Obsession Valley

    ResponderExcluir
  5. Ai Hellz, esse seu texto é MUITO AMOR ♥♥♥
    Eu também percebi que amor não é só paixão há algum tempo. É tão óbvio, e mesmo assim, a maioria não percebe. É tão bom quando a gente percebe que está SIM rodeada de amor, né? É bem isso mesmo, o sentimento transborda ♥
    Beijos!

    claramenteinsana.com

    ResponderExcluir
  6. Vamos bater palmas em conjunto para esse ser maravilhoso que a tia hellz é. *PALMAS E DOPE DO BTS DE FUNDO PORQUE SIM*
    Eu amei muito esse teu texto e não podia concordar mais com tudo que você falou. Acho até que já escrevi algo assim no blog. De qualquer forma, eu amei muito. MUITO. Em níveis que não sei nem explicar, então só vou imprimir, colar na testa e andar por aí.
    Ah, e aquela frase final ali, "porque deu errado em apenas uma vertente" merece palmas extras, tá?

    Beijos,
    Bi.

    - www.naogostodeunicornios.com

    ResponderExcluir
  7. AICOMOAMOSEUSTEXTOS! Sempre fico rindo e refletindo. Concordo com tudooo!!! Não precisa ser só amor romântico. Um simples gesto de outra pessoa se importando contigo também é amor. E realmente, primeiro a gente precisa se amar pra conseguir passar isso pros outros. Awn, tão lindo e profundo :'(
    Amei, escreve maisss!!!
    Beijosss!
    https://tipsnconfessions.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  8. Ai que lindo... Eu só venho aqui pra falar como amo seus textos né? kkkk Mas é a mais pura verdade!! Concordo com tudo que você escreveu, existem muitas formas de amor além daquela cheia de corações e beijos no parque kkk
    Ameii demais mesmo!!
    Beijoos
    Yanna Karim

    ResponderExcluir
  9. Adorei seu texto, mas acho que a possessão e ciúmes doentio de uma pessoa que chega a fazer besteiras, também é amor, e cada um interpreta amor de uma forma. Essa pessoa interpreta dessa forma, "Se não pode ser minha, não será de mais ninguém", por exemplo. nao sei mais oq falar xal

    ✯ Blog Diamante Turquesa ✯ ✯ Instagram ✯ ✯ Siga o blog clicando aqui ✯

    ResponderExcluir
  10. Olááááá BatDivaHelllllzCatLover!
    Aaaaiiinnnn eu já disse que amo seus textos???
    Não???? Hummmm eu amoooo, sabe porque??
    Porque tu escreve de uma maneira que insere o leitor dentro das letras <3
    É a pegada que vc imprime! Faz refletir, encontra morada no coração, ecoa na alma e lá permanece <3
    Eu sou caprica então não sou muito de amores românticos, sou pragmática, penso que as coisas dão certo pelo tempo que tem que dar.
    O que temos de real é nós com nós mesmas e não há metade da laranja (não sou fruta e sou inteira) nem preciso que me completem, agora quero siiiim pessoas que me transbordem, mãe, pai, irmã, sobrinhos, amigos, amigas, cães e gatos, peixes e pássaros e porque não? Até o amor romântico <3
    Esse gif é tudooooooooo <3
    Beijo enoooorme e excelente semana pra ti
    Luli

    Café com Leitura na Rede

    ResponderExcluir
  11. Super concordo com seu texto, o amor não é um padrão, ele tem suas exceções e formas de demonstração. Eu por exemplo, demonstro meu amor quando ajudo as pessoas, quando sou simpática, quando abraço alguém especial, quando sorrio de felicidade ao lado daqueles que me fazem bem.
    Beijos. ♥

    Diário da Lady

    ResponderExcluir
  12. Excelente texto Hellz! Concordo com tudo!

    Beijo!

    ResponderExcluir
  13. Cada um tem sua forma de amar ou se sentir amada, existem várias linguagens do amor, existe um livro que fala sobre isso e me esclareceu várias coisas. A linguagem da minha mãe é a do serviço, ela se sente amada quando alguém faz algo pra ela, já a minha é a de palavras e o meu namorado é o tato, o que me faz sofrer um pouco porque não sou muito de toque físico.

    Creio que aprendemos a amar com as experiencias, e quando nos permitimos por mais que as vezes já sabemos no nosso coração que vamos sofrer isso nos mudar, nos torna humanos e amar é dom!

    Seu texto tá lindo! ♥

    Beijinhos ;*
    Blog Menina Caprichosa | Canal Youtube | Facebook | Insta

    ResponderExcluir
  14. Oi, Hellz!
    Menina, esse texto... Não tenho nem palavras pra dizer o quanto esse texto me tocou. De verdade.
    Beijos
    Balaio de Babados
    Participe da promoção seis anos de Caverna Literária

    ResponderExcluir
  15. Pra variar eu amei de novo o post né hahaha
    Muito amor por favor. Devemos sempre e sempre prestar atenção nos pequenos cuidados nas pequenas demostrações diárias, são elas que mostram o quanto somos na vida de alguém
    Obrg por nos lembrar disso.
    Bjos Hellz

    ResponderExcluir
  16. Oii Hellz

    As vezes amor que mais faz falta é justamente esse amor desinteressado que vem de um amigo, de uma mãe. As pessoas tem uma tendencia a materializar o amor na imagem de um homem/mulher apaixonado e buscam isso a vida toda. Sabe o que? Esse amor existe, mas as vezes ele acaba. E ai o que resta? Aquele outro amor que vc falou, que é o que ta lá não importa quantas vezes for preciso.

    Linda reflexão.

    Beijos

    unbloglitteraire.blogspot.com.ar

    ResponderExcluir
  17. Ai vc termina de ler um texto e quer comentar mas não tem palavras.... como faz??
    Excelente!!! (cadê o botão "emoticons de aplauso" qd mais precisamos, Deus?)
    bjss

    ResponderExcluir
  18. Amo tem para todo lado, é só saber enxergar.
    E ainda acrescento aí o amor de Deus por nós, o maior de todos.
    <3
    Achei sei texto tão lindo, tão cheio de amor.
    Tanta gente precisa escutar tudo o que você disse, Hellzoca.
    Espero que o dia de alguém seja mudado por causa do texto.
    Amei!
    E que nós possamos viver todo todo todo todo tipo de amor.

    Beijoooos

    www.casosacasoselivros.com

    ResponderExcluir
  19. Amo seus texto, me divirto e reflito muito sempre!
    Adorei
    Bjus
    Taty
    Na Casa dos Abrantes
    Canal

    ResponderExcluir
  20. Oi, Hellz!

    Pior é que não tô gastando muito mesmo! hahaha! Sozinha eu não daria conta de usar tudo, mas minha mãe, minha irmã e de vez em quando meu pai, usam os produtos também. Aí nada fica velho, sabe?!

    Sério, conheço muita gente frustrada com esse negócio de amor. Mas não enxergam que o amor já tá ali, do lado, em todos os lugares... Sei lá! Acho que a maioria pensa que só é amado quem tem esse parceiro(a) romântico(a).

    Ótima terça!

    Beijo! ^^

    ResponderExcluir
  21. Ou quando seu amiguinho da escola te dá chiclete ou bala, te oferece sem você pedir, nossa... Isso é a prova de amizade e amor mais fofa que existe, hahaha! Enfim, uma colega minha uma vez me disse isso. "Como assim você nunca foi amada? O amor do seus pais é o que? O amor das suas amigas é o que?" aí que eu percebi que é verdade. Então, pra quem reclamar que "amor é uma merda" tá pensando em só uma forma de amor né? O que é bem cabeça fechada. Adorei seu post!!!

    Beijos!
    www.likeparadise.com.br

    ResponderExcluir
  22. Ah Heeeellz, que lindo! <3
    Poxa, que texto mais incrível, queria que todos parassem para ler e refletir sobre... Realmente, existem muitos tipos de amor, mas o único mais "destacado" pelas pessoas (ou seria pela mídia), é o amor entre homem e mulher, ou seja, de parceiro romântico sabe, de namorado/marido, enfim... Porém, é muito mais que isso, MUITO mais mesmo. Como você disse, desde babys a gente sente o amor das mamis... E quando "nosso" gatinho vem pedir um chamego... *-*
    Porém, hoje em dia parece que o mundo está meio amargurado... Conheço pessoas que já não acreditam tanto em conto de fadas e em todos os brindes que os contos da Disney mostram...

    Obrigada por compartilhar esse texto maravilhoso! <3

    Ps: tem post novo no blog amore!

    Beijos
    Amanda Z.
    www.amandazulai.com.br

    ResponderExcluir
  23. Que texto mais lindo!
    É tão bom quando percebemos que estamos rodeados de amor, dos pais, amigos...
    A gente acaba se esquecendo de que o amor não é apenas o romântico né!
    Beijos
    BlogCarolNM
    FanPage

    ResponderExcluir
  24. amei seu texto é simplesmente perfeito, o amor já nasce em nós só temos que saber demostra-lo a quem amamos, bjs
    lanibelezafeminina.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  25. Que texto lindoo!
    Hellz, minha visão de amor é igualzinha a que você descreveu nesse texto. Amor é querer o bem, é se preocupar, é querer dividir coisas boas com as pessoas ao redor. Tem muita gente que surta querendo encontrar o "amor da sua vida" e nem percebe que ao redor dela existe muito amor: da família, dos amigos e etc.
    Beijos
    www.infinitafeminice.com.br

    ResponderExcluir
  26. Tudo verdade!
    Pego-me várias vezes com paradigmas ridículos e retomo os pensamentos, sou eu lutando contra EU, rs... O amor tem várias formas de demonstração e não é egoísta, é sincero e brota desde que nascemos!...
    Ok, saí de um relacionamento em que meu companheiro gostava tanto da amizade que luta para mantê-la (pois é, eu saí ferida... ele escolheu por nós...).Mas de repente é o amor, que não consiste mais em nos relacionarmos como casal...
    Um abraço já é meu botão 'on' do amor, rs...
    Amo você! ;-)

    ResponderExcluir
  27. Verdade o amor não prende, e sim liberta!
    Temos tanto amor em volta de nós e nem reparamos.
    Bjoo

    Tiemi
    RoseBoxBlog

    ResponderExcluir
  28. Ai Hellz esse foi o texto mais bonito que já vi por aqui :3 Amor é se sentir amado acima de tudo e conseguir passar esse amor adiante. Eu me sinto amada em casa, com meu namorado e amigas, acredita que nos meus 15 dias de repouso absoluto elas vieram me ver e trouxeram gelatina mesmo odiando porque era a única coisa que eu podia comer? Isso é amor HAHAHAHA Enfim, gostei do texto :3

    www.vestindoideias.com

    ResponderExcluir
  29. Wooon Hellz transbordando de amor, primeiro texto que eu leio sem uma pitada de rebeldia, haha. Quer dizer, de certo modo tem tal rebeldia. Com esse texto você está pegando todos os seus leitores nos ombros e os sacudindo dizendo: "Hey! Em alguma parte da sua vida você é amadx! Então para de reclamar!" Haha
    Sabe, quando adolescente eu li um livro muito bacana chamado "Os Jovens Perguntam", tem ele no site jw.org e o livro falava muito sobre os sentimentos normais de "amor adolescente" e como saber se era mesmo amor, paixão ou apenas atração, esse livro me ajudou a entender que não existe apenas o amor romântico.
    Enfim, amei o texto Hellz, e concordo com o que você escreveu ;)

    Beijo, www.apenasleiteepimenta.com.br

    PS: Respondi o email.

    ResponderExcluir
  30. Hellz do céu, você só arrasa (e me arrasa) com esses textos, sério. Quantas palavras lindas e cheias de verdade! Meu Deus!!!!
    Realmente, o amor romantizado não é o único amor que temos nessa vida. O amor de amigos e família são tão presentes e tão fortes ao nosso redor, e por muitas vezes acabamos não tendo essa noção. Eu não tinha essa noção, e só deixei de me preocupar com o "azar" que eu achava ter no amor quando eu me toquei disso. Não tem felicidade maior do que sentir o amor nessas pequenas ações vindas dos nossos amigos e familiares (mesmo que as familiares, principalmente, sejam sempre um pouco chatas pelas cobranças e alertas), e devemos dar o máximo de valor possível pra essas pessoas que nos fazem tão bem. Depois que a gente passar a valorizar quem tá pertinho de nós, outras vão chegando. Incluindo o/a crush. Experiência própria, hahahaha.

    Com amor,
    Steph • Não é Berlim

    ResponderExcluir
  31. É muito amô pra um post, minina!!! O bom de tantas formas de amor é pq o copo fica sempre transbordando e não tem coisa melhor nessa vida <3

    ResponderExcluir
  32. Que texto lindo Hellz, muito verdade, o amor esta sempre a nossa volta... adorei o exemplo do faber castel.. isso e amor mesmo. Mas e importante lembrar que acima de tudo temos o amor de Deus, que entregou seu filho por nos. :D
    Bjs

    www.deboradahl.com

    ResponderExcluir
  33. Pena que o amor nem seja esteja à nossa volta.


    Isabel Sá
    Brilhos da Moda

    ResponderExcluir
  34. "o amor é um copo cheio d'água que, de tão absurdamente cheio, passa a transbordar." cara, eu SEMPRE pensei isso. Ninguém precisa de ninguém pra se completar, mas sim pra transbordar! <3
    E nossa como existem vários tipo de amores por aí. O amor de mãe, de amigos verdadeiros são um tesouro.
    Lindo texto!

    https://heyimwiththeband.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  35. Ainda bem que a maioria do amor que nos cerca não é romântico e ainda bem que a gente ainda pode desconstruir essa ideia! Gostei muito da tua visão e do jeito que tu colocou os sentimentos em relação ao ponto de vista tradicional, chacoalhando um pouco as coisas.


    Beijos
    Brilho de Aluguel

    ResponderExcluir
  36. Hellz amei o seu texto, o amor não é apenas passear com mãos dadas ou beijar, o amor é muito mais do que isso, o amor está sempre por perto só precisamos ver, Hellz bjs.
    http://www.lucimarestreladamanha.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  37. Sorri lendo seu texto, que lindo, e é verdade mesmo. Amor é muito mais do que estamos acostumados. Tem tanto amor por aí disfarçado que a gente nem presta a atenção.
    Beijos
    Charme-se

    ResponderExcluir
  38. Verdade... temos que valorizar e dar mais atenção as outras formas de amar!
    Estamos tão condicionados a só pensar no amor romântico.
    Beijinhos,
    Sabrine Varolo.
    www.entregarotas.com

    ResponderExcluir
  39. Oie!!!
    Muito lindo, maravilhoso! É exatamente isso, exatamente assim. Não há necessidade de se prender, sendo que sim, podemos encontrar, enxergar amor ao nosso redor se quisermos. Amei muito!! Tá de parabéns!
    Beijos,

    www.estranhoscomoeu.com - Lu

    ResponderExcluir
  40. Ownnnn, que texto mais lindo, vc escreveu sobre os lápis de cor, eu nunca tive uma caixa de lápis grande, mas era exatamente assim, as pessoas só emprestavam para quem gostava mais, rsrs.

    http://www.carolinapeclat.com

    Beijos Carol Peclat

    ResponderExcluir
  41. Que post maravilhoso, o amor é tudo. Como você disse, as pessoas acham que só existe o amor romântico e deslegitima todos os outros, só a questão de você desejar o bem a um desconhecido já é amor.
    beijos
    lolamantovani.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  42. Lacrou com essa ultima frase ai em ?

    Eu pensava antes, que tudo era culpa do amor e se não dava certo com um , não daria com mais nenhum!
    É um ótimo post, acho que o que temos de melhor a oferecer é o amor!

    Beijos da Nati
    www.oxifalei.com.br
    Snap: nath.thamires
    Instagram: @oxi.falei

    ResponderExcluir
  43. Entendi o que quis colocar.
    Mas PRA MIM, amor é único. MAS, existe muitas formas de espressar o seu amor a alguém.
    Amor de pais, amor de irmãos, amor de amigos (os falsos não conta, pois não é amor e sim interesse), amor familiar (daqueles que te respeitam e nunca abusariam de você de nenhuma forma), muitas formas de expressar o amor para essas pessoas. Daí teriam os ciúmes, poces etc.

    Eu tenho um relacionamento consistente com o pai de meus filhos. Não somos casados, mas nos respeitamos, nos admiramos. Agora que estão os dois indo a escola em tempo integral, estamos namorando novamente. Isso em um bom relacionamento não pode se perder; respeito e admiração entre as duas pessoas. O resto...conversando se entende.

    Amei a postagem.

    http://renatacaline.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  44. Oii Hellz!
    Sempre tive essa visão de amor que você descreveu, considero-a até mais importante que esse amor que é vendido pela mídia como o único e verdadeiro. Um amigo ou um primo podem te amar de uma forma única, que nem mesmo aquele teu namorado seria capaz, e isso não é ruim, é bom; porque te dá a certeza que você foi amada como deveria, por alguém que te quer realmente bem.
    Parabéns pelo texto, é simplesmente maravilhoso. Amei cada palavrinha <3

    Beijos,

    Gnoma Leitora

    ResponderExcluir
  45. What a lovely Picture Hellz.

    kisses

    ResponderExcluir
  46. Que texto fofo, Hellz. Super verdade, o amor está em todo o lugar!

    naoseavexe.blogspot.com

    ResponderExcluir
  47. O amor é único mesmo, cada um ama de um jeito!
    O meu marido por exemplo, me ama, mas é romântico como uma mula kkk

    Beijão querida, boa semana!

    www.cuidadosevaidades.com.br

    ResponderExcluir
  48. Ótimo texto como sempre adoro.
    O amor está em várias formas e atos.
    Beijos
    Jana Makes Esmaltes e Cia

    ResponderExcluir
  49. Owwwn que texto mais lindo! De todos os textos que você
    já postou aqui, esse foi sem dúvidas o mais lindo de todos!
    Eu concordo plenamente contigo, ás vezes ficamos tão obcecados
    em arrumar um namorado (a) pra chamar de amor, que nos esquecemos
    que já temos muitas pessoas que nos amam nas nossas vidas. Como
    por exemplo, os seus leitores, que amam ler esses textos maravilhosos que tu escreve!
    Mil beijos! http://pensamentosdeumageminiana.blogspot.com.br/?m=1

    ResponderExcluir
  50. Que texto lindo, pura verdade!
    O amor tem diferentes formas
    Beijos!!



    Jéssica R. Coelho Blog

    ResponderExcluir
  51. Pausa para esse texto maravilhoso.
    Que saudades de vir aqui Hellz.
    Adoreii o texto de coração e a mais pura verdade foi escrita.
    Beijos!
    Blog Pam Lepletier

    ResponderExcluir
  52. Concordo plenamente
    bom, tu conhece a minha história e sabe tudo pelo qual eu estou passando e sim concordo de que amor é muito mais do q o cliche descrito
    digo por que em todos esses anos de busca por encontrar amor no outro de que está do meu lado de forma amorosa eu encontrei coisas muito mais lindas e verdadeiras
    como cada vez que o meu imrão dorme comigo por que eu tou com medo por mais que eu seja adulta e ele um quase um adulto também
    o meu cachorro que sim, impossivel nao falar dele com um carinho enorme
    o meu pai que por mais que eu tenha crescido com ele meio afastado no hj ele até me abraça e me trata com todo carinho
    É muito triste a forma como as pessoas se frustram por conta de relacionamentos e eu quase fui uma dessas pessoas
    no hoje sempre repito uma frase bem grosseira a respeito do assunto
    dentre os amores existentes o de homem e mulher é o último da lista e naquele que a gnt menos deve confiar
    é isso estás certissima

    ResponderExcluir
  53. esqueci de falar da parte do amor em que a gnt encontra aquelas pessoas pela internet que tem um blog maroto, se apaixona pela pessoa e ela vira sua amiga ouvindo os seus desabafos de gnt retardada e ainda aconselha... incluo isso na minha lista de amores que eu encontrei nos ultimos anos e que com toda certeza faz toda diferença nessa bagunça que é a vida
    vemk neneim

    ResponderExcluir
  54. Texto lindo e verdadeiro, parabéns!
    Boa quinta-feira!
    Fica com Deus!
    Beijos!

    http://estilonocerrado.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  55. Ai Hellz como você tava inspirada... até me emocionei com esse texto. Sério mesmo.

    Muita gente deveria grudar ele em algum lugar da casa onde passa a maior parte do tempo pra poder ler sempre que possível.

    Beijo !

    | O Blog Que Não é Blog |

    | Julinha e os Vídeos - Canal do Youtube |

    | Cadastre-se no Clixsense e Ganhe por Clicar em Links |

    ResponderExcluir
  56. Lindo o texto, realmente os contos de fadas a midia faz com que as pessoas acabem achando que o único amor que existe é o romântico, e a pessoa acaba esquecendo todo o amor que lhe rodeia. O amor está em diferentes formas seja na amizade, em família e muito mais.


    Beijos



    http://onlyinspirations.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  57. Olá menina Hellz, não tem como ficar indiferente diante de texto tão belamente escrito, a la Hellz rs...eu me identifico, gosto do que dizes e descobri que eu sou aquele frustrado, mas nada é finito, hoje tenho um cão, e é verdade, redescobri meu amor, adotei o Teimoso, cãozinho caramelo que faz meu coração bater forte e ele parece que sorri, quando sentado nos meus pés faço cafuné na cabeça dele. Muito bom ler este post.
    ps. Carinho respeito e abraço.

    ResponderExcluir
  58. Awn ,que mais lindo. Eu não gosto de ouvir pessoas dizendo que vivem sem amor. Isso não é verdade. Sempre tem alguém em nossas vidas que nos ama. Eu já sofri muito acreditando que não tinha amor em minha vida e ai fiz uma lista com o nome das pessoas que eu amava e percebi que grande parte delas me amava de volta. Hoje sou agraciada por poder sentir o maior amor do mundo: o que uma mãe tem para com o seu filho.
    Beijos


    Vidas em Preto e Branco

    ResponderExcluir
  59. Suuuuper concordo. Eu acho que, quando a gente começa a refletir um pouco mais sobre o que é a vida, aprendemos e passamos a entender a grandeza de todas as coisinhas pequenas que acontecem. Uma coisas boba, como minha mãe ter me dito que entrou em um grupo do facebook que fala sobre suculentas, me encheu de carinho. O fato de meu pai estar insistindo para que eu pule pra carreira dos meus sonhos me dá vontade até de chorar. Como você disse, muitas das coisas que achamos irritantes são apenas um reflexo da preocupação que pessoas queridas têm por nós, e essa preocupação se dá por elas desejarem o nosso bem. Desejar bem é uma das formas de amar. Que bom que - hoje - sabemos que isso é uma preciosidade. :)
    Beijos,
    Bru
    Blog Moderando

    ResponderExcluir
  60. Hellz, sua linda! Tudo bem?
    Que lindoooo... Uau.
    Nem sei o que dizer amiga, que lindo tudo o que escreveu.
    Beijuuu,
    Keth.
    Blog: www.parbataibooks.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  61. Que texto lindo! Amei demais <3
    Seu blog é um amor, viu? Sucesso! ;o)

    Beijo, Ana Lia.
    @blogpoderosaderosa
    Tem post novo lá no Blog! Já deu uma espiadinha?
    www.poderosaderosa.com.br

    ResponderExcluir
  62. aaaaaaaain que texto mais amorzinho! ameiii ♥♥
    muitas vezes o povo foca no amor e esquece do amor maior, o amor da mãe, do pai, do irmão, da família!

    www.blogamorarosa.com

    ResponderExcluir
  63. Como não se emocionar com esse texto????
    Eu passei anos da minha vida ignorando todo o amor da minha família e dos meus amigos e reclamando o dia inteiro que a pessoa que eu amava não me amava de volta. Hoje eu sei que isso não acontecia porque eu não me amava direito e inclusive tinha uma noção muito errada do que é o amor.

    Abri mão do conto de fadas que eu queria que fosse a minha vida e me tornei uma pessoa feliz por ser eu, porque eu sou incrível. Todos que me rodeiam são incríveis, meu namorado é incrível e a vida é boa pra caralho, por mais que não seja nada perfeito (nem a vida nem essas pessoas, as vezes elas são incrivelmente irritantes).

    Obrigada pelo texto, Hellz. Parei aqui por causa de um post da Duane (tenho que agradecer ela tb haha) e isso melhorou meu dia!

    ResponderExcluir

Aqui é a área do BEING YOU e você tá com a palavra, hein? BORA!