Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...
postado por Hellz. em 16 dezembro 2016

CINEMA: Queremos mais protagonismo plus size!

Antes de tudo, preciso dizer: Viciei em Game Of Thrones. Apesar de muito ter bradado achar que nunca me identificaria com uma história medieval com espadinhas, eu mordi a minha língua. Ando tão viciada quanto possível, FALEI MESMO HAHAH.

Talvez não haja muita conexão pra você entre o que inicia esse post e o seu título, mas na minha cabeça as coisas são meio fora de ordem mermo. Mas juro que no fim, fará sentido HAHA (ou pelo menos eu acho que fará Q).

Sabe o ator Peter Dinklage que faz o Tyrion Lannister no GOT? É, aquele que sofre de nanismo e que – na própria trama, é chamado de anão, meio-homem e duende constantemente. Se a gente for parar pra observar, aqueles que tiveram contato com a série podem afirmar um uníssono: O seu respeito e visão em relação a pessoas com esse tipo de deficiência foi quase anulado após a admiração crescente pelo ator, que conquistou todo mundo com carisma e talento. 

Deveria ser assim? Absolutamente não. Mas infelizmente vivemos num mundo bugado mesmo, fazer o que? Não adianta dizer que todo mundo é educado, livre de preconceitos e de construções inúteis moldadas pela sociedade. (Se tudo tivesse de boas, Esse não seria o planeta Terra, por aqui as coisas andam mesmo de pernas pro ar HAHAHA so sad).

Ao mesmo tempo, fiz um link: Toda atriz gordinha – exceto aquelas em que a trama queira provocar outro tipo de sentimento ou contar histórias verídicas, como o caso de "Preciosa" – quase sempre é a amiga engraçada, divertida, louca e... no geral, encalhada. Quase sempre coadjuvante ou do núcleo humorístico. Algo extremamente estereotipado e longe sim da realidade.

O que quero dizer é: Eu gostaria de colocar um filme pra rodar e ver uma gorda no pôster da história, atriz principal. Fosse filme de ação, aventura, drama, romance, comédia romântica. Filmes habituais, sabe? Nada de esteriótipo forçado que tente ser diferentão e acabe caindo na mesmice.

Quero ver uma Flúvia Lacerda no lugar da Julia Roberts em "Um Lugar Chamado Notting Hill". Quero ver uma Mayara Rissi no lugar da Cléo Pires em "Qualquer Gato Vira-lata". Quero ver a Rebel Wilson fora do papel de loucona nonsense e passando a ostentar a carapuça de amiga desejada pelo cara que conheceu na faculdade e que, depois de muita merda, eles vão ficar juntos por mais clichê que seja. Quero que a Melissa McCarthy carregue nas costas um filme de drama bem denso, porque não? Quero a Tess Holliday (que encabeça lindamente a ilustração deste post) sendo a vizinha gostosa que o cara vive secando da janela em "Show de Vizinha". Quero histórias reais com mulheres reais.

Quero que as vidas de todas as gordinhas sejam contadas: Os pés na bunda, os romances avassaladores, os encontros de uma noite só, as tragédias pessoas e familiares, o sucesso na carreira, a magia de um mundo paralelo. 

Eu quero identificação. E quero identificação com conteúdo real.




41 comentários:

  1. Bora lá fazer a diferença na moda!
    Bj e fk c Deus
    Nana
    http://procurandoamigosvirtuais.blogspot.com

    ResponderExcluir
  2. Vamos começar pelo início do post hehehe. Também nunca imaginei que eu fosse gostar de GoT, mas eu amo!!! Realmente, tudo o que eu ouço falar sobre o Peter é que ele é um ótimo ator e acho que nem precisamos falar que dá pra perceber super bem na série né. É um dos meus personagens preferidos (depois do Ramsay <3).
    Concordo demais com o seu post. Devemos ter mais atrizes plus size protagonizando os filmes. Eu fico pensando que sempre que vejo uma gordinha em filme, eles colocam em papéis secundários e isso é completamente irritante.
    Em séries nós vemos mais, tipo em Mike and Molly que eu adoro!
    Ótimo post!!!
    🎄
    Beijos
    BlogCarolNM
    FanPage


    ResponderExcluir
  3. Comecei boiando no post, mas depois me situei hahaha acho triste que a gente precise de fatos como este pra se respeitar, mas se eles fazem efeito, por que não, né??? Quando li sobre gordinhas logo pensei na loira de Pitch Perfect (não lembro o nome dela '-') e tudo fez sentido. Realmente, parece que o papel da menina gordinha é sempre de coadjuvante. Tá na hora de mudar isso aííí né gente??? Se gostamos tanto delas como coadjuvantes, vamos amar ainda mais como papel principal, e papéis fortes x)
    Beijo!
    http://tipsnconfessions.blogspot.com

    ResponderExcluir
  4. Concordo com tudo que tu falou Hellz. Mas quero colocar minha opinião, não sei se são só as pessoas que conheço, mas todos gordinhos são engraçados e, sinceramente, não vejo uma Rebel ou Melissa em outros papéis. Embora eu ache que elas arrasariam de qualquer jeito e que, sim, seria ótimo espelhar mais a vida das plus size. Mas, mesmo assim, acho que essas duas nasceram pra isso. Elas conseguem passar pra todos que o peso não muda nada, que são lindas e fortes, elas passam muita força, uma lição maravilhosa pra quem quer enxergar.
    Agora, admito que, fiquei aqui imaginando, o filme "Uma linda mulher" com uma atriz gordinha. Cara, seria lindo de ver. *-*


    Beijos,
    Blog Gaby DahmerFanpage

    ResponderExcluir
  5. Achei maravilhoso :*

    http://a-cacheada.blogspot.com.br/2016/12/esclarecimentos.html

    ResponderExcluir
  6. Eu amo got, eu amo o Tyrion um dos melhores personagens sem duvida.
    Agora que parei um pouco pra pensar e realmente não consegui lembrar de nem sequer um filme com uma protagonista gorda. Apenas o filme "Como ser solteira", mas é como vc disse: No filme ela é a amiga encalhada e engraçada... (apesar de no filme ela ser deste jeito pq ela quer... não sei explicar direito).

    https://pollyannamonyque.blogspot.com.br/
    Se puder da uma passadinha no meu blog ♥
    Beijinhos

    ResponderExcluir
  7. Oi, Hellz

    Só tiro, porrada e bomba esse post, hein? Sabe que eu fui em um evento literário domingo passado e a autora Thati Machado estava presente. Esse assunto foi discutido lá, o fato da representatividade. O fato das pessoas gordas só serem os personagens engraçados, serem o alívio cômico da história. Por que uma mulher gorda não pode ser uma personagem extremamente segura de si, sexy, desejável? Mudando o gênero, por que uma mulher não se apaixona por um homem gordo nas histórias? Tem que ser sempre o gatão de tanquinho trincado?

    Só tenho um porém em relação ao seu post: nada de Rebel Wilson no cinema, pelo amor, ela faz o mesmo papel SEMPRE! hahahaha

    Beijo
    - Tami
    Blog Meu Epílogo | Instagram | Facebook

    ResponderExcluir
  8. Concordo muito com você! Sempre colocam as gordinhas em papéis estereotipados, é quase totalmente previsível saber qual é a daquela personagem interpretado por uma atriz gordinha. Acho isso tão absurdo, sabe? Pelo amor de Deus, estamos no século XXI, já sabemos que os corpos são variados. Quando que a galera do cinema, a galera que faz os filmes vai sacar e isso?
    Muito boa sua reflexão!!!
    bjs
    blogtrashrock.com

    ResponderExcluir
  9. Oi, Hellz!
    Amei seu texto! Realmente precisamos de mais plus size nas telinhas!
    Tem um clipe da banda do Joe Jonas - DNCE - que o par dele é uma modelo plus size, que esqueci o nome agora. Dá uma conferida.. O nome da música é Toothbrush. Eu achei bem legal da parte da banda porque geralmente vemos modelos como crushes dos carinhas e elas não representam boa parte das mulheres desse mundo.
    Beijos
    Balaio de Babados
    Participe do Natal Literário
    Participe da promoção de três anos de Um Oceano de Histórias
    Participe do Sorteio de Final de Ano

    ResponderExcluir
  10. Olá,
    Realmente precisamos de mais plus size.
    Tem um livro que fala um pouco sobre o preconceito e sobre se aceitar da forma como você é, chama Amor Plus Size da Larissa Siriani.
    Beijo
    http://estante-da-ale.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  11. Sabe aquela música da Karol com K "Tombei"? Vou canta-la agora para você Hellzinha: "já que é pra tombar, TOMBEI! BANG BANG BANG"... Post desconstruidor de tabus. Sério mesmo gostei! Precisamos mesmo de mais mulheres de verdade no cinema, se já conseguimos dar um oscar para uma atriz negra, com toda certeza chegaremos a um oscar para uma atriz plus-size.

    Beijos Hellz!
    womenrocker.blogspot.com

    ResponderExcluir
  12. Concordo totalmente! Não sou plus size, longe disso, por isso realmente não sei como isso afeta as meninas que são, mas sinto que deveria sim ter mais protagonismo plus size. É tão chato viver num mundo no qual a mina cobiçada ou a principal é uma branquela, loira (ou ruiva), magra, de olhos claros e rostinho padrão (formato mais oval e nariz mais pro triangular). Essas mulheres são bonitas? Aim, são! Mas as outras também são tão bonitas quanto!

    Tá na hora do mundo enxergar mais os formatos, as cores, os volumes, a diversidade. ❤

    Beijinhos.

    ResponderExcluir
  13. Love the style of your blog!
    I`m following ur blog with a great pleasure via GFC
    Please join me
    Sunny Eri: beauty experience

    ResponderExcluir
  14. Adoro ler teus texto, vem me abraça, pensamos iguais! E você ta gostando de GOT e eu era como você "odiava" esse universo, vi o primeiro ep e quando me dei conta já estava no ultimo hehehe. Quantos as gordinha, seria meu sonho ver elas em um filme onde realmente são personagens principais?

    Blog >> www.seteprimaveras.com

    ResponderExcluir
  15. Está mais do que na hora de atrizes plus size atuarem em filmes românticos, dramas, suspenses. Chega de botar gordinhos só pra fazer comédia.
    Big Beijos
    Participe da nossa pesquisa de público 2017
    Meu Canal You Tube

    ResponderExcluir
  16. Poxa, arrasou no post! Também quero vê-las nas telonas, principalmente em romances! Ta mais do que na hora mesmo!!!

    Beijos da Nati
    www.oxifalei.com.br
    Snap: nath.thamires
    Instagram: @oxi.falei

    ResponderExcluir
  17. Ô Hellz, tu já visse a série Drop dead diva? Tem na netflix e a protagonista é gordinha, coisa mar linda! Minha irmã que assiste, mas eu sempre acabo assistindo um episódio ou outro com ela!
    Super concordo com você, é muito clichê, sabe? E isso deveria ser extinto! Todo e qualquer preconceito.

    Beijão, mariasabetudo

    ResponderExcluir
  18. Pois é Hellz, é complicado. Eu queria dizer que o cinema é o paraiso, que a experiencia imersiva é fantastica e perfeita, mas o que vemos na tela é um subproduto de uma industria muito complexa.
    Sob um olhar bem frio eu diria que uma pocentagem muito pequena se identificaria com um(a) protagonista com sobrepeso, isso vale pra homens e mulheres.
    Botando o dedo na consciencia o que você prefere ver, o Henry Cavill/Chris Evans sem camisa ou o Leandro Hassum antes da cirurgia sem camisa no cinema? E particularmente eu não vejo problemas com essa escolha.
    O problema está quando nossa atração por esse tipo de pessoa se torna o nosso modus operandi e passamos a so buscar pessoas assim, deixando de conhecer gente de todos os tipos e tribos.
    bjos LP
    interruptedreamer.com

    ResponderExcluir
  19. Oie Heeeeeeeeeellz!
    Já estava sentindo sua falta viu sua danadinha??????
    Super super concordo contigo!
    Até a Barbie já tem plus size, a Barbie quer coisa mais clichê que a boneca?
    Sinceramente tá mais do que na hora das telonas, das telinhas, do teatro terem plus size como protagonista.
    Por falar em cinema conhece "Divas do cinema plus size", do site simsoudiva?
    Mulheres lindas interpretando divas como Ava Gardner, Sophia Loren, Gina Lolobrigida, Shirley Maclaine, Grace Kelly, em fotos mara de Tiago Lautert.
    Eu ameeeei <3
    Excelente semana pra ti flor
    Bjs Luli
    Café com Leitura na Rede

    ResponderExcluir
  20. Esse topico e bem interessante mesmo. Infelizmente a midia e muito seletiva com os padroes. Nem todo mundo e igual, e eles fazem a gente se sentir que tem q caber em uma caixinha padrao!!! Mas eu creio que estamos perto de ver mudancas.. assim espero :D
    Bjs

    www.deboradahl.com

    ResponderExcluir
  21. SIM, QUEREMOS MUITO!

    Eu também acho difícil me identificar com as mocinhas do cinema. Ainda mais eu que sou plus e negra, fica realmente difícil. Amei o post! Hellz arrasando como sempreeeee <3

    Beijos,
    Pri
    www.vintagepri.com.br

    ResponderExcluir
  22. a-r-r-a-s-o-u ♥ É ISSO AI MESMO!


    Beijinhos
    n. // www.fashionjacket.com.br

    ResponderExcluir
  23. Confesso, que no começo do post eu fiquei bem perdida, mas você tinha
    razão, no final tudo fez sentido. Hahaha Eu concordo plenamente, com tudo
    que você escreveu aqui. Se toda ás vezes, que uma atriz gordinha estiver em
    um filme ela sempre interpretar um estereótipo, o preconceito nunca vai acabar.
    A partir do momento, que as mulheres, os negros, os altos, os baixos, os magrinhos,
    os gordinhos, os gays, começarem a serem retratados normalmente nos cinemas, interpretando papéis comuns, as pessoas vão parar de tratá-los diferentes. Pois essa
    diferença não vai mais existir.
    Mil beijos!
    http://pensamentosdeumageminiana.blogspot.com.br/?m=1

    ResponderExcluir
  24. amei esse post, é isso mesmo, temos sim que ter identificação com PESSOAS MAIS REAIS, com diferenças!

    www.tofucolorido.com.br
    www.facebook.com/blogtofucolorido

    ResponderExcluir
  25. Heyy!

    Na maioria das premiações que eu vejo na tv, é sempre atores brancos, magros e "bonitos", aqueles que se encaixam no padrão. Isso porque os demais não são escalados para papéis de destaque.. É bem triste..

    ooutroladodaraposa.com.br

    ResponderExcluir
  26. GOT é muito bom, amo!
    E concordo com você, deveriam colocar mais atrizes plus nesse mundo. Existem tantas lindas e talentosas que uma ou outra se sobressai.

    Beijo!

    ResponderExcluir
  27. Nunca tinha pensado nisso, mas eu realmente nunca vi uma plus size ser a estrela de um filme, o que é realmente triste. :(
    Nunca assisti GOT mas julgo que não vou gostar, mas vai que eu queime a lingua igual você!!
    http://www.corujasemasas.com.br/
    Beijos! <3

    ResponderExcluir
  28. Também acho justo, cansada de padrões e toda hora querer essa coisa que só magras é bonitas. Todas são e merecem seu lugar ao sol.

    Beijos
    https://pimentasdeacucar.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  29. adorei o post! A midia considera feio ter uma gordinha na capa de algum poster de filme e já ficou tão esteriotipada quanto a loira gostosa dos filmes de terror. Preferem usar o que já ta funcionando.
    Fico muito magoada com essas coisas, o principal motivo pra eu querer ser publicitaria é desmentir esteriótipos.
    Xoxo
    ja-ta-crescida.blogspot.com

    ResponderExcluir
  30. Seria muito bom mesmo. É sempre a mesma coisa, só muda o nome das atrizes, mas com o mesmo padrão. Que a mudança chegue logo.
    Bjus!

    galerafashion.com

    ResponderExcluir
  31. Também sinto muita falta desse tipo de protagonismo nos filmes. Nas poucas vezes que temos personagens assim, são para fazer comédia e não papeis levados a sério. Temos tantas atrizes incríveis disponíveis basta apenas a iniciativa dos estúdios!

    www.estupefaca.com

    ResponderExcluir
  32. Concordo com você Hellz.. e que em 2017 chegue logo para ver as mudanças!!

    Um beijo e Feliz Natal!!

    www.purestyle.com.br

    ResponderExcluir
  33. É ridículo ver que precisa de uma notoriedade pra poder ser tratado como gente.
    Enfim eu concordo com você e que 2017 as pessoas abram mais a mente e deixem esse preconceito todo de lado.
    O que a gente carrega daqui do planeta são as emoções e as memórias apenas.
    Beijos!
    Blog Pam Lepletier

    ResponderExcluir
  34. Olá!
    Não sei se é a expressão certa a dizer, mas seria épico se esse padrão mudasse e isso acontecesse uma vezinha... seria muito bom de se ver nas telonas, se sentir representada assim.
    http://focus-strength-and-faith.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  35. Concordo com você,já passou da hora de ter protagonistas plus size nos filmes,nas passarelas,nas novelas,séries etc
    Ótimo post.

    www.paginasempreto.blogspot.com.br

    Beijos

    ResponderExcluir
  36. Com toda a razão! Muito bom o post!
    Bjs

    www.digoporai.com

    ResponderExcluir
  37. E eu, Hellz, quero te abraçar muito!!! Que post mais incrível <3
    Eu sou gorda e, por ser assim, já passei por poucas e boas nessa vida. Coisas que as minhas amigas magras nunca pensaram que poderiam acontecer com elas, aconteceu comigo, e isso sempre fez eu me sentir um lixo. Eu me sentia coadjuvante atpe da minha própria vida, como se sempre tivesse que ter alguém melhor que eu por perto e eu só pudesse ser a amiga bacana que sempre ajuda mas que nunca pede ajuda.
    Faz uns anos que não sou mais assim, que me libertei dessas amarras e comecei a mudar o rumo da minha vida. Com certeza me esforcei em dobro pra ser feliz, mas isso só me deixa mais orgulhosa de mim mesma, e, com certeza, assistir a um filme com uma gorda como protagonista só que sem nenhum tipo de esteriópico por ela ser gorda iria ser de um prazer imenso assistir.

    Obrigada por esse texto, sério.
    literarizandomomentos.blogspot.com

    ResponderExcluir
  38. Eu sou gorda, nem gordinha, nem obesa. E eu me aceito com a pancinha porchetenha que tenho.
    E aí eu entro no TUMBLR. Vejo fotos de minas mais magras e/ou esqueléticas em umas poses para parecer que tem 'curvas'. Se eu faço as mesmas poses fico parecendo uma doida contorcionista do cirque de solei.
    Aí vejo fotos de casais. O boy tá de cueca, a mina de calcinha e sutiã. O boy com a mão na perna, barriga da minina... Se eu tiro uma foto dessa, NUNCA vai ser visualizada ou então vão ficar com nojinho por causa das minhas estrias.
    O pior é o próprio preconceito de pessoas gordas: elas 'salvam imagens' de pessoas magras como inspiração. Meucuviu.
    Adorei seu post e te abraço hoje e sempre.
    A Bela, não a Fera blog | A Bela, não a Fera Youtube | Converse comigo no Twitter!

    ResponderExcluir
  39. Olá Hellz!
    Já falei que adoro seus textos? Já, e vou falar de novo. Parabéns!
    O mundo parece sofrer de gordofobia. Estou aqui tentando lembrar de qualquer filme com um gordinho ou gordinha fora do esteriótipo de gordo engraçadão rejeitado e não recordo de nenhum. Gosto de fazer cosplay e simplesmente não consigo lembrar de nenhuma personagem feminina na cultura geek que tenha um biotipo semelhante ao meu. Triste :(
    Bjs

    EntreLinhas Fantásticas

    ResponderExcluir

Aqui é a área do BEING YOU e você tá com a palavra, hein? BORA!